quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Molebka – O Triângulo das Bermudas Russo

Há certas regiões específicas do planeta em que a atividade OVNI se manifesta com maior frequência. A Zona Anômala de Perm, também conhecida como Triângulo de Molebka, (ou Triângulo das Bermudas da Rússia) é a área com atividade anômala mais intensa em todo o território russo. Ela foi descoberta há 30 anos e encontra-se na divisão entre Perm e a unidade federativa de Sverdlovsk, a 10 quilômetros do povoado de Molebka, fundado em 1787.

O local místico posicionado no ponto de encontro dos rios Silva e Molebka conta com um território de 70 quilômetros quadrados, que em grande parte abriga matagais e florestas de difícil acesso.

Nos últimos 16 anos têm sido reportados com frequência fenômenos insólitos e avistamentos de OVNI´s naquela região, chamando assim a atenção dos investigadores -  a área já foi o foco da KGB - e dos meios de comunicação.



quarta-feira, 6 de agosto de 2014

As Linhas de Nazca

Nazca é uma província do Peru, famosa pelas suas marcas e desenhos no deserto, chamados geoglifos. As linhas de Nazca foram criadas retirando a camada negra superior de sedimentos oxidados do deserto, expondo a superfície baixa de cor mais clara. As condições climáticas do deserto favorece a preservação dos geoglifos. Segundo arqueólogos as linhas foram criadas pelo antigo povo Nazca, ancestrais da civilização Inca, que viveram entre os séculos I e VIII dc. Segundo a lenda daquele povo, as linhas foram criadas pelo deus inca Viracocha.

No deserto de Pampa, onde se localiza as linhas de Nazca, se estende por 525 quilômetros quadrado, e possui cerca de 200 figuras, compreendendo pássaros, algumas baleias, um macaco, uma aranha, uma provável raposa ou um lama, algumas plantas, diagramas matemáticos e o famoso “El Astronauta”.

El Astronauta

terça-feira, 29 de julho de 2014

Universos Paralelos - Infinitas Realidades Coexistindo


Em 1954, um jovem candidato ao doutorado da Universidade de Princeton chamado Hugh Everett III apresentou ao meio científico uma idéia radical e enlouquecedora. Ele propôs a existência de universos paralelos.

Hoje em dia, a ideia de múltiplos universos existindo simultaneamente e em dimensões paralelas está muito presente no imaginário popular, porém entendam o choque, no momento que a ideia foi sugerida. A teoria é bizarra, e causa certa estranheza no entendimento.

Mas por que um jovem físico em ascensão arriscaria o futuro de sua carreira propondo uma teoria sobre universos paralelos? Na verdade. com sua teoria dos Muitos Mundos, Everett tentou responder uma questão muito difícil relacionada à física quântica: por que a matéria quântica se comporta irregularmente? 


- Sob Medida?

O universo é tão certinho que a gente até desconfia.

Os cientistas, embora possam ter suas crenças religiosas, tentam ir além dessa ideia e entender as razões físicas por trás dos mecanismos cósmicos. Afinal, por que o Universo está tão cheio de galáxias, estrelas e planetas, em vez de ser um imenso vazio? Por que as leis da natureza parecem ser tão adequadas ao surgimento da complexidade e da vida? 

Segundo essa ideia, a ordem cósmica só faz sentido se imaginarmos universos paralelos - e talvez até infinitos universos paralelos (ou de um Multiverso, como também é conhecida) .


sábado, 26 de julho de 2014

3º ANO DO BLOG AB ORIGINE!

Novamente com alegria e plenitude nos reunimos para comemorar o aniversário do blog AB ORIGINE!

É nosso 3º ano juntos, e como sempre nós crescemos e nos aprimoramos neste ano juntos.

Nossa participação tem sido cada vez maior através do Facebook, conquistando cada vez mais abrangência entre nossos admiradores e notificando as mais diversas notícias, desde ufologia, mistérios e movimentos mundiais.

Além destas, temos estendido nosso enfoque a postagens que abordam o questionamento do mundo moderno e do status quo, música, inspiração através de exemplos motivadores e arte.

Foi um ano de crescimento e amadurecimento. Juntos, nos tornamos um exército de livres pensadores, engrandecendo e construindo juntos.

Sempre seremos gratos pelo prestígio e apoio que recebemos de vocês, amigos. Se por vezes demoramos um pouco mais a escrever matérias, pedimos somente que tenham um pouco mais de paciência. Afinal, somos poucos para dar conta de tal sede de conhecimento. Porém sempre prezaremos por oferecer-lhes matérias de cunho questionador e de boa qualidade. Este é nosso compromisso!

Neste novo ano, que a vida flua por rumos desconhecidos e empolgantes e nos permita conhecer e crescer cada vez mais!
Somos uma família e juntos cresceremos!


MUITO OBRIGADO PELO CARINHO!

Henrique Guilherme & André de Pierre



quarta-feira, 28 de maio de 2014

O Intrigante Fenômeno da Latitude 19.5º


No início dos anos 90, Richard Hoagland (ex-consultor cientifico da NBC e CBS, da NASA e do Controle de Voo Espacial Goddard), intrigado com as fotografias de Marte, apresentadas pela da NASA (onde uma série de pirâmides e uma esfinge aparecem agrupados na região de Cydonia) iniciou uma pesquisa particular sobre alguns aspectos dos planetas de nosso Sistema Solar, visando encontrar novas descobertas.

Curioso a respeito, Richard continuou sua pesquisa até o momento em que um estranho padrão foi percebido por ele: o vulcão Olimpus (considerado o maior do sistema solar) está localizado na latitude 19,5 graus em Marte, tal como o "olho" em Júpiter e dos vulcões mais ativos do planeta.

Desta forma, Richard aprimorou a idéia e desenvolveu uma teoria (que pode ser vista em seu site: http://www.enterprisemission.com/) denominada "física hyperdimensional". 

Mas, em que consiste essa teoria?


- Teoria:


A teoria de Richard Hoagland aponta que no sistema solar, diversos planetas apresentam regiões marcantes na latitude entre 19 e 20º sul e/ou norte.

No Sol, Lua e nos planetas do Sistema Solar, entre as latitudes 19 e 20º sul e norte, apresentam-se fenômenos, no plano físico, que expressam a passagem de força, onde se movem redemoinhos de energia.

Desta maneira existiriam forças desconhecidas ligadas aos corpos esféricos giratórios, permitindo uma troca de energia e abrindo uma espécie de "porta" para uma outra dimensão. De tal dimensão proviria uma força de natureza elétrica coerente. Essa troca de energia entre as duas dimensões estaria sempre à latitude de 19,5°.

Em síntese, tais forças poderiam conduzir à realização de sistemas tipo antigravidade, viagens cósmicas através de portais dimensionais e, finalmente, ser utilizada como uma fonte de energia inesgotável.

Assumidamente um defensor de várias teorias da conspiração, ele afirma que em diversos laboratórios estariam sendo executadas pesquisas, sempre mantidas como segredo militar, sobre forças desconhecidas ligadas aos tais corpos esféricos giratórios. 

Veja a seguir algumas imagens dos planetas e as ocorrências que encontram-se nas latitude 19-20 norte e sul.


quarta-feira, 21 de maio de 2014

A Enigmática Zona do Silêncio

No norte do México existe um local chamado pelos habitantes de Zona del Silencio, ou Zona do Silêncio, perto da cidade de Ceballos. A região faz fronteira com os estados de Coahuila, Chihuahua e Durango e cobre uma área de 50 quilômetros de diâmetro.



Aparentemente, o lugar é só um monte de pedras e areia numa região mexicana desprovida de maiores atrativos, mas para muitas pessoas ali está um lugar único e extremamente misterioso no planeta Tão interessante, que tem atraído muito interesse em estudiosos de todo o mundo. 



sexta-feira, 2 de maio de 2014

Anjikuni – O Mistério de Uma Vila Inteira Que Desapareceu

O misterioso caso do voo MH370 da Malaysia Airlines, desaparecido em 8 de março, tem causado muita comoção as pessoas, assim como dúvidas. Como pode um voo, com 239 pessoas a bordo simplesmente sumir em pleno ar? O próprio governo da Malásia admitiu que as razões que levaram ao desaparecimento do avião talvez nunca venham a ser conhecidas.



No entanto este não é o primeiro caso de um misterioso desaparecimento. Lendas sobre desaparecimentos misteriosos existem ao redor de todo mundo, durante toda história. Contudo, se você acha que o sumiço de aviões e navios seja algo muito estranho, imagine então um local no qual um vilarejo inteiro desapareceu! Este é o misterioso caso do deseparecimento do lago Anjikuni.


- O local

O estuário de Anjikuni Lake se localiza ao longo do Rio Kazan na remota região de Nunavut, Canadá.

A área é rica em lendas e folclore nativo sobre espíritos florestais malignos e monstros como o Wendigo, mas por fascinantes que sejam essas estórias, não há nenhuma tão intrigante quanto o controverso mistério envolvendo o desaparecimento dos aldeões que viviam nas margens gélidas do Lago Anjikuni (Coordenadas GPS Referenciais: Latitude / Longitude = 62°23'16.63"N, 101°20'14.21"W).



domingo, 27 de abril de 2014

A Consciência Global Humana e a Noosfera

Outras vezes abordado aqui em nosso blog, o conceito da Consciência sempre causou um certa dificuldade em sua compreensão, tal como um igual fascínio, dado sua grande abstração e abrangência em nosso universo. Em si, a consciência é considerada pela ciência como uma qualidade da mente, abrangendo qualificações tais como subjetividade, autoconsciência, sentiência, sapiência, e a capacidade de perceber a relação entre si e um ambiente. 

Outras vertentes, no entanto consideram a consciência uma estrutura de energia construída pelo simples fato da existência. Como um campo universal de consciência interagindo com as estruturas elétricas do cérebro mais evoluído dos seres vivos até os núcleos mais elementares em nível quântico. Todo o movimento perpétuo dos elementos constituiriam portanto isso que chamamos de consciência. 

Naturalmente a ideia é tomada como controversa pelos meio acadêmicos convencionais. Mas e se houvesse provas empíricas que comprovassem tal interação, ou mesmo sugerissem que existe mais do que se imagina? Foi assim que nasceu o Projeto de Consciência Global.

Mas antes de abordamos o tal projeto, precisamos entender alguns conceitos e teorias filosóficas.


sexta-feira, 14 de março de 2014

10 sítios arqueológicos que você nunca verá nos livros de história

"Não há fatos eternos, como não há verdades absolutas." Friedrich Nietzsche

A história comumente ensinada nas escolas e universidades é cheia de dogmas e lacunas. Normalmente se baseiam em grandes guerras ou conquistas e aquilo que não se encaixa na proclamada linha do tempo é abandonado e esquecido.

Abaixo apresento dez sítios arqueológicos que o estudante de história antiga jamais ouvirá falar, exceto aqueles que buscam e pesquisam incessantemente preencher as lacunas dessas explicações incompletas. - na exceção incluo os leitores do Blog Ab Origine, frequentado por Livres Pensadores -


Confiram a lista:


sexta-feira, 7 de março de 2014

Bombas Atômicas na Antiguidade? Mohenjo Daro e Outros Casos Insólitos

Muito se fala e se conjectura sobre Mohenjo Daro, um sítio arqueológico situado a aproximadamente a 400 milhas de Harappa e com mais de 4.000 anos de antiguidade e que apresenta uma apaixonante interrogação. Mohenjo Daro é um local onde não existem tumbas, mas é chamado de Colina dos Mortos e o lugar onde estão os esqueletos é extremamente radioativo.

Antiga sede de uma civilização repentinamente extinta, foi o local onde se adotou uma forma de escrita de tipo pictográfico (cujo significado é ainda desconhecido), e onde também se usavam as mais antigas roupas de algodão já descobertas.
O que intriga, no entanto, são alguns fenômenos muito mais interessantes , tal como descobertas feitas no local, que desafiam completamente a lógica convencional, tal como nossa noção convencional da história.


Rochas e areia vitrificada, altos níveis de radiação e esqueletos carbonizados sugerem  indícios de que talvez a Terra talvez já tenha sido cenário, de uma terrível e devastadora guerra nuclear, entre um avançado e poderoso povo, há 20.000 anos.