Biblioteca

Livros indicados pelos editores do blog

O blog Ab Origine tem como missão informar e disseminar informação. Foi pensando nisso que criamos a página Biblioteca. 

Como escritores entendemos que os links para visualização ajudam a divulgar o livro e a ideia de sua obra. Quem tem condições de comprar o livro não deixará de fazê-lo por ter acesso ao arquivo Pdf, mesmo porque a leitura fica muito prejudicada e as traduções muitas vezes não são corretas e confiaveis.

Àqueles que desejam ter um conhecimento mais profundo da obra devem comprar o livro, pois só assim estarão garantindo a total aprendizagem do seu conteúdo. 

Boa pesquisa!

Edição Ab Origine


1984 - George Orwell (clique aqui para visualizar)
Winston, herói de 1984, último romance de George Orwell, vive aprisionado na engrenagem totalitária de uma sociedade completamente dominada pelo Estado, onde tudo é feito coletivamente, mas cada qual vive sozinho. Ninguém escapa à vigilância do Grande Irmão, a mais famosa personificação literária de um poder cínico e cruel ao infinito, além de vazio de sentido histórico. De fato, a ideologia do Partido dominante em Oceânia não visa nada de coisa alguma para ninguém, no presente ou no futuro. O’Brien, hierarca do Partido, é quem explica a Winston que 'só nos interessa o poder em si. Nem riqueza, nem luxo, nem vida longa, nem felicidade - só o poder pelo poder, poder puro.'




2001, uma odisséia no espaço - Arthur C. Clarke (clique para download)
A origem do Homem e sua escalada ao Espaço, neste clássico adaptado ao cinema a partir do conto que deu origem a este livro. Uma anomalia magnética na lua leva integrantes de sua colônia à descoberta de um monolito, que ao ser tocado pelo sol envia uma mensagem em direção a Júpter. Livro que deu origem ao filme clássico de Stanley Kubrick e primeiro volume da série uma odisséia no espaço, que conta também com 2010, 2061 e 3001.
A arte da guerra - Sun Tzu (clique para visualizar)
“A Arte da Guerra” é um dos clássicos mais influentes do pensamento oriental sobre estratégia. Esta é a edição completa que nos traz com excelência os ensinamentos do general chinês Sun Tzu através dos treze capítulos originais, que a cerca de 2500 anos influencia o mundo dos negócios.

A História Secreta da Raça Humana - Michael A. Cremo e Richard L. Thompson - (Clique aqui para visualizar)
Ao longo dos últimos dois séculos, pesquisadores descobriram ossos e artefatos indicando que seres humanos como nós existiram na Terra há milhões de anos, e não há 100 mil, como acreditamos. Mas a ciência convencional parece ter eliminado, ignorado ou se esquecido desses fatos notáveis. Este livro bombástico traz à tona descobertas que contrariam a crença dominante sobre a antiguidade e a evolução do Homem. Reunindo um número significativo de fatos convincentes, iluminados com sua análise crítica, Cremo e Thompson nos desafiam a repensar nossa a compreensão sobre as origens, a identidade e o destino da humanidade. (saiba mais)

A máquina de Uriel - Christopher Knight e Robert Lomas (Clique aqui para visualizar)
"A Máquina de Uriel - As Antigas Origens da Ciência" prova que os europeus não somente sobreviveram à inundação de 7640 a.C., mas também desenvolveram uma civilização altamente avançada, dedicada a preparar-se para impactos meteóricos futuros. Construindo uma rede internacional de observatórios astronômicos sofisticados, esses astrônomos antigos criaram calendários solares, lunares e planetários exatos; mediram o diâmetro da Terra e predisseram a colisão de 3150 a.C., permitindo a reconstrução da civilização em um mundo destruído. Essa era a verdadeira finalidade de estruturas megalíticas como Stonehenge. "A Máquina de Uriel - As Antigas Origens da Ciência" constitui uma revisão de grandes eventos da humanidade iluminada por novas e brilhantes idéias.

A origem das espécies - Charles Darwin (clique aqui para visualizar)
A bordo do navio britânico Beagle, durante uma viagem de cinco anos, um jovem de 22 anos, na condição de naturalista, embarcou destinado a coletar espécimes vegetais e animais e a anotar suas observações. Ele reuniu componentes suficientes para elaborar e defender uma das teorias mais revolucionárias de sua época - a teoria da evolução pela seleção natural.

A profecia de Orion - Patrick Geryl (clique aqui para visualizar)
Seus descobrimentos sobre o Fim dos Tempos em 2012 o impulsionaram a iniciar uma intensa investigação que se dedicou em três livros. O primeiro deles, A profecia de Órion, foi publicado nos EUA e traduzido e editado na Polônia. Nos próximos dois anos, o resto de sua obra será publicada em inglês e polonês: O cataclismo mundial de 2012 e Como sobreviver logo depois de 2012.

A verdadeira história do clube Bildeberg - Daniel Stulin (clique aqui para visulizar)
Durante os últimos cinqüenta anos, um grupo seleto de políticos, empresários, banqueiros e poderosos em geral tem se reunido secretamente para tomar as grandes decisões que movem o mundo. Se você quer saber quem aciona os controles por detrás da fachada das organizações internacionais conhecidas, não tenha dúvidas: leia este livro. Após treze anos de investigação, o autor conseguiu compor uma lista de participantes do lobby formado pelos homens mais ricos,
poderosos e influentes do Ocidente, que se reúnem secretamente todo ano para lançar as estratégias de dominação no mundo. Ganhador do prêmio The Kingston Eye Opener de melhor livro estrangeiro de não ficção.


Admirável mundo novo - Aldous Huxley (clique aqui para visualizar)
Ano 634 df (depois de Ford). O Estado científico totalitário zela por todos. Nascidos de proveta, os seres humanos (precondicionados) têm comportamentos (preestabelecidos) e ocupam lugares (predeterminados) na sociedade: os alfa no topo da pirâmide, os ípsilons na base. A droga soma é universalmente distribuída em doses convenientes para os usuários. Família, monogamia, privacidade e pensamento criativo constituem crime.
Os conceitos de "pai" e "mãe" são meramente históricos. Relacionamentos emocionais intensos ou prolongados são proibidos e considerados anormais. A promiscuidade é moralmente obrigatória e a higiene, um valor supremo. Não existe paixão nem religião. Mas Bernard Marx tem uma infelicidade doentia: acalentando um desejo não natural por solidão, não vendo mais graça nos prazeres infinitos da promiscuidade compulsória, Bernard quer se libertar. Uma visita a um dos poucos remanescentes da Reserva Selvagem, onde a vida antiga, imperfeita, subsiste, pode ser um caminho para curá-lo. Extraordinariamente profético, "Admirável Mundo Novo" é um dos livros mais influentes do século 20.
 
 
 Alcorão  (clique aqui para visualizar)
Livro sagrado do Islã. Leia antes de emitir opiniões.



 As guerras dos deuses e dos homens - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
O homem nasceu para ser um guerreiro ou os deuses ensinaram a humanidade a guerrear? Os alienígenas foram responsáveis pelos eventos mais cataclísmicos da história humana? As guerras da Terra começam nos Céus e os eventos celestes determinam o futuro da humanidade na Terra? Neste livro, Zecharia Sithcin apresenta uma evidência surpreendente de que os deuses que vieram à Terra do 12o planeta, Nibiru, travaram uma série de batalhas ferozes pela supremacia do nosso planeta, alistando os terráqueos nelas. Sitchin conta com um estudo meticuloso dos relatos antigos, desde paletas sumérias e o Antigo Testamento até os mitos antigos dos ensinamentos canaanitas, hititas e hindus, para traçar a saga dos deuses e dos homens de um início criativo a um fim trágico. Ele usa então fontes modernas, como fotografias da Terra tiradas pela Nasa do espaço, para revelar a evidência de uma enorme explosão nuclear ocorrida há 4 mil anos, mudando a vida na Terra para sempre. O exame novo dos mistérios antigos feito por Sitchin explica o Grande Dilúvio, a destruição de Sodoma e Gomorra e outros eventos cataclísmicos do passado na história da humanidade, possibilitando a compreensão de nosso futuro. A obra é bem ilustrada com mapas, diagramas e fotografias que enriquecem ainda mais o seu conteúdo. Livro da série Crônicas da Terra.


As plantas mágicas. Botânica oculta. - Filippo Treofasto Paracelso (clique aqui para visualizar)
Para se conhecer a fundo o mundo das plantas, do ponto de vista do Ocultismo, torna-se absolutamente necessário estudá-las em suas relações com o Universo (macrocosmo) e com o Homem (microcosmo), de acordo com as teorias de Paracelso, teorias que se acham espalhadas nas obras do famoso médico e alquimista, que foram reunidas e ordenadas, até o ponto de formar todo um corpo de doutrina, condensado neste livro. Devido a algumas lacunas, a Botânica Oculta não é muito extensa mas, naturalmente, foram assentadas as bases de uma ciência vacilante em suas origens, estancada durante séculos e completamente esquecida em nossos tempos.No final do livro há um pequeno dicionário de botânica oculta, com inúmeras plantas e flores, com a indicação de suas propriedades curativas e suas virtudes mágicas. Serão apontados os signos astrais, ou seja, a influência astrológica a que estão submetidos.

Atlântida e o oitavo continente - Charles Berlitz (clique aqui para visualizar)
Análise bem fundamentada da possibilidade da existência de um país outrora florescente e que constitui hoje uma civilização perdida. Ilustrado com dezenas de fotografias de estruturas submarinas, este livro é um reexame da evolução da civilização que leva até mesmo o leitor mais céptico a refletir sobre a hipótese da existência de culturas avançadas, varridas da superfície terrestre por algum cataclismo de gigantescas proporções.

Bardo Thodol, O livro tibetano dos mortos - (clique aqui para visualizar)
O livro tibetano dos mortos é um guia completo para o viver e o morrer. Escrito em estilo primoroso, contém orientações e práticas ligadas à transformação de nossas experiências cotidianas, ao modo de abordar a morte e os estados posteriores a ela e à forma de ajudar os moribundos. Segundo sua intenção original, este livro se dirige igualmente aos vivos e àqueles que desejam transpor seu pensamento para além desta existência, penetrando num ciclo muito maior e mais grandioso.


Bíblia (bíblia on line)
Livro que dispensa apresentação.


 Deuses americanos - Neil Gaiman  (clique aqui para visualizar)
Deuses Americanos, o melhor e mais ambicioso romance de Neil Gaiman, é uma viagem assustadora, estranha e alucinógena que envolve um profundo exame do espírito americano. Gaiman ataca desde a violenta investida da era da informação até o significado da morte, mantendo seu estilo picante de enredo e a narrativa perspicaz adotados desde Sandman. Neil Gaiman oferece uma perspectiva de fora para dentro - e, ao mesmo tempo, de dentro para fora - da alma e espiritualidade dos Estados Unidos e do povo americano: suas obssessões por dinheiro e poder, a miscigenada herança religiosa e suas conseqüências sociais, e as decisões milenares que eles enfrentam sobre o que é real e o que não é.

Deuses e astronautas no antigo Oriente - W. Raymond Drake (clique aqui para visualizar)
Naqueles tempos maravilhosos em que a Terra era jovem e a natureza resplendia de novidade, seres celestiais desceram das estrelas para ensinar as artes da civilização ao homem simples, criando a Idade do Ouro cantada por todos os poetas da antiguidade.
Durante séculos a humanidade gozou duma cultura brilhante e prosperou sob o governo benigno dos reis espaciais, que possuiam uma ciência psíquica afinada com as forças do universo e os poderes existentes dentro da alama humana. esses seres adoravam o Sol, o divino Andrógino, símbolo do Criador; faziam ensinamentos sobre a vida depois da morte, a reencarnação, a ascensão através da existências em diferentes dimensões até a união com Deus.
Em ocasiões especiais desciam à Terra e compartilhavam seus arcanos secretos e sua tecnologia com os iniciados eleitos.

 Deuses do eden - William Bramley (clique aqui para visualizar)
A história humana é uma sucessão aparentemente interminável de conflitos sangrentos e de caos devastador. No entanto, inexplicavelmente, à luz do avanço intelectual e tecnológico, o progresso do homem foi parado em uma área crucial - ele ainda se entrega a fera primitiva dentro e faz guerra contra seus vizinhos. Como resultado de sete anos de intensa pesquisa, William Bramley faz um link desde as guerras dos antigos faraós para o assassinato de JFK. Neste trabalho, Bramley apresenta sinais inquietantes de uma presença alienígena na Terra - os visitantes extraterrestres que conspiraram para dominar a Humanidade através da violência e do caos desde o começo dos tempos - uma conspiração que continua até hoje.



 Dogma e ritual da alta magia - Éliphas Lévi (clique aqui para visulizar)
Nesta obra, você toma contato com a magia em sua grandeza de ciência. O esclarecimento do obscuro, da conciliação e da paz. Um livro para os iniciados e para quem está ingressando no ocultismo, no misticismo ou em qualquer sociedade secreta.


Encontro com Rama - Arthur C. Clarke (clique aqui para visualizar)
Vencedor de renomados prêmios da ficção científica, entre eles o Hugo e o Nebula, Encontro com Rama, conta a história de uma terrível colisão de um meteorito contra o continente europeu. Após o acontecimento, líderes mundiais e cientistas reuniram esforços para evitar que catástrofes dessa natureza voltassem a acontecer. Quase cinquenta anos depois, a humanidade atônita acompanha a chegada de um novo astro ao Sistema Solar. De proporções inimagináveis, Rama espanta e ameaça, pois avança firmemente na direção de nosso Sol. Uma expedição é enviada para explorar os mistérios do que se imagina ser um colossal meteoro. Mas, num misto de surpresa e apreensão, Rama se revela uma sofisticada construção, repleta de enigmas que desafiam a mente e os conceitos humanos. Inestimável fonte de pesquisa para a ciência ou ameaça para a segurança da humanidade, Rama torna-se palco de uma das mais fascinantes jornadas de descobrimento da ficção científica; um espelho da genialidade de um dos autores mais criativos do século 20.



Enuma Elish - Épico da criação (babilônico) (clique aqui para visualizar)
Este longo poema foi escrito ao redor do século XII Antes da Nossa Era, exaltando a grandeza da cidade da Babilônia. O mito (re) conta a criação do universo e os eventos que levaram à construção da Babilônia, chamada de "lar dos deuses". O mito evoluiu a partir de mitos sumérios, mas o texto que segue é baseado na versão assíria, sendo que os Assírios foram um império posterior ao dos sumérios.
O poema (quase completo) está disposto em sete tábuas de argila, cada com cerca de 150 linhas de texto. O mito foi provavelmente escrito para ser entoado nos festivais em honra aos deuses e da Babilônia. No idioma original, o poema não foi escrito com rimas ou aliterações, mas possui alguma assonância, semelhante ao estilo dos Cantos Gregorianos, quando cantados por várias vozes.
A tradução para a língua portuguesa é feita a partir do texto em inglês de N. K Sandars.



Epopéia de Gilgamesh  (clique aqui para visualizar)
A Epopéia de Gilgamesh, o famoso rei de Uruk, na Mesopotâmia, provém de uma era totalmente esquecida até o século passado, quando os arqueólogos começaram a escavar as cidades soterradas do Oriente Médio. Até então, toda a história relativa ao longo período que separa Noé de Abraão estava contida em dois dos livros menos atraentes, por serem de cunho genealógico, do Livro do Gênesis. Destes capítulos, apenas dois nomes são lembrados até hoje no linguajar cotidiano: o do caçador Nimrod e o da torre de Babel. O ciclo de poemas reunidos em torno de Gilgamesh nos leva, contudo, de volta ao meio daquele período.
Estes poemas têm direito a um lugar na literatura mundial, não apenas por precederem às epopéias homéricas em pelo menos mil e quinhentos anos, mas principalmente pela qualidade e originalidade da história que narram.

Eram os deuses astronautas? - Erich Von Däniken (clique aqui para visualizar)
O autor, que dedicou a vida a pesquisas pelo mundo todo, defende neste livro a existência de outros seres inteligentes no universo e propõe que extraterrestres tenham trazido grandes conhecimentos á Terra.
A evidência disso estaria nos achados arqueológicos, monumentos antigos, mapas e marcas intrigantes em solos rochosos, que Erich Von Däniken analisou em várias partes do planeta. Ele comparou, por exemplo, fenômenos semelhantes ocorridos na cultura Maia (México) e em Nazca (Peru) com o enigmas do Egito Antigo.

 Eu, Robô - Isaac Asimov (clique aqui para visualizar)
Eu, robô é parte de uma das três grandes séries de Asimov ? Robôs, Fundação e Império. Retoma uma das personagens principais, a grande roboticista Susan Calvin, e a faz contar, em retrospecto, histórias que resumem a evolução da robótica. A narrativa engenhosa conduz o leitor com um didatismo disfarçado: levados pela imaginação e pelo humor de Asimov, nem nos damos conta da lição de história da robótica que acabamos aprendendo. Entre a babá da primeira história e a Máquina, com maiúscula, que controla toda a Terra, na última, há ainda espaço para robôs que enlouquecem, que fazem piadas, que lêem pensamentos e até robôs orgulhosos de serem mais espertos do que os seres humanos.. Eu robô também apresenta as três leis da robótica, outro alicerce da ficção científica. De acordo com elas, a primeira obrigação de um robô é proteger seres humanos, a segunda é obedecer às ordens de humanos e a terceira é se proteger. A aparente simplicidade esconde os numerosos conflitos que podem surgir, e servem de mote para mais de uma história. Eu robô foi adaptado para o cinema, e tem previsão de lançamento mundial em agosto.


Evangelho de Filipe (clique aqui para visualizar)
O Evangelho de Filipe constitiui um dos livros apócrifos da biblioteca de Nag Hammadi; à semelhança do Evangelho de Tomé, é um evangelho de ditos, ou seja, uma colecção de sentenças encerrando grande sabedoria, atribuídas a Jesus.
A atribuição do texto a Filipe é conjunturalmente moderna; a sua única relação com o apóstolo São Filipe deve-se ao facto de ser o único apóstolo mencionado nos manuscritos (73, 8)[1]. Na verdade, o texto deve ter sido redigido algures entre os anos 180 e 350[2] da nossa Era, portanto muito depois da morte do discípulo de Cristo.
De uma forma muito similar a João 19:25-26, o Evangelho de Filipe apresenta Maria Madalena dentre os discípulos de Jesus, adicionando que ela era sua "companheira" (koinônos).


Evangelho de Tomé (clique aqui para visualizar)
O Evangelho de Tomé, preservado em versão completa num manuscrito copta em Nag Hammadi, é uma lista de 114 ditos atribuídos a Jesus. Alguns são semelhantes aos dos evangelhos canônicos de Mateus, Marcos, Lucas e João, mas outros eram desconhecidos até a descoberta desse manuscrito em 1945. Tomé não explora, como os demais, a forma narrativa, apenas cita - de forma não estruturada - as frases, os ditos ou diálogos breves de Jesus a seus discípulos, contados a Tomé, dito Dídimo (Gêmeo em grego), sem incluí-los em qualquer narrativa, nem apresentá-los em contexto filosófico ou retórico. Duas características marcantes do Evangelho de Tomé, que o diferenciam dos canônicos, são a recomendação de Jesus para que ninguém faça aquilo que não deseja ou não gosta e a ênfase não na fé, mas a descoberta de si mesmo.


 Fundação (trilogia) - Isaac Asimov (clique aqui para download)
A trilogia conta a história da humanidade, em um ponto distante no futuro, no qual o visionário cientista Hari Seldon prevê a destruição total do império humano e de todo o conhecimento acumulado por milênios. Incapaz de impedir a tragédia, ele arquiteta um plano ousado, no qual é possível reconstruir a glória dos homens. Se tudo correr como planejado.



 Genesis Revisitado - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
Adao foi fruto da 1a. experiencia genetica da historia? Existiam disquetes de computador ha 5000 Anos? As respostas a essas assombrosas e inquietantes questões estão em Gênesis Revisitado, uma das obras mais intrigantes escrita por Sitchin.
Em Gênesis Revisitado, ele penetra no cerne da existência, da origem e do destino do homem. Responde de onde viemos e para onde estamos indo, chegando a conclusões que alguns consideram incríveis demais para aceitar, e outros sensatas demais para desmentir.

Heródoto (Pai da História) (clique aqui para visualizar)
Começo com uma advertência, dirigida principalmente aos estudandes de História: esta edição não passa de um aperitivo. O verdadeiro repasto está na edição francesa, integral,que pode ser encontrada na web. Lá, sim, estão todas as notas da edição original de Larcher, não incluídas nem aqui, nem na edição digitalizada, base desta — naquela, com certeza, por economia de papel; nesta, por preguiça mesmo.

Kebra Nagast (clique aqui para download)
Um livro supreendente que nos leva aos tempos mais remotos da humanidade. Para quem crê em alta tecnologia no mundo antigo a prova está aqui. No texto é ralatado viagens de Salomão em uma aeronave e a verdadeira natureza da Arca da Aliança. Um dos livros perseguidos pela Igreja Católica de Roma, pois suas revelações são devastadoras. 
Baseado em antigas tradições, o texto foi redatado por volta do século XIII, na mesma época em que chegava ao trono da Etiópia a dinastia de Salomão, que justificava seu poder com base na tradição bíblica. Narra a história do encontro entre Makeda, rainha de Sabá, com o rei Salomão, de cuja união nasce Menelik, primeiro imperador da dinastia etíope (Negusa Negast, ou "Rei dos Reis"). Também conta como a Arca da Aliança teria sido trazida à Etiópia, onde até hoje estaria localizada na Igreja de Santa Maria de Sião, em Axum.

 Laranja Mecânica - Anthony Burgess (clique aqui para visualizar)
Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma reposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A estranha linguagem utilizada por Alex soberbamente engendrada pelo autor empresta uma dimensão quase lírica ao texto. Ao lado de 1984, de George Orwell, e Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley, Laranja Mecânica é um dos ícones literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século XX. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Kubrick, é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais será o mesmo.

Livro de Enoch (clique aqui para visualizar)
Enoque nasceu da sétima geração de Adão, pai de Matusalém, avó de Lameque e bisavô de Noé. Enoque, segundo a bíblia, andava com Deus, e foi levado para viver junto com Ele quando tinha 365 anos.
Livro importante para quem pesquisa a origem da humanidade. Outra prova contundente da origem dos anjos. Quem são os anjos? Quem são as sentinelas? Tudo está descrito aqui. Livro perseguido pela igreja católica no Concílio e Nicéia, que possue seu original da época pré-diluviana. Eles não esparavam que a tradição oral sobrevivesse, e aqui vos trago a versão copta, a mais difundida nos tempos contemporâneos.
Uma das grandes obras da humanidade, é tomado ao mesmo tempo como meio e fim para compreensão das coisas ocultas do mundo dos homens, dos anjos e da divindade. Em termos de Cabala hebraica este trabalho é fundamental pela apresentação dos nomes dos anjos e demônios e permitir assim uma leitura cifrada e altamente determinativa das origens dos homens. É uma obra de referência realmente indispensável para todo estudioso do oculto, ou do simples aficcionado do maravilhoso e fantástico.


 Livro dos jubileus (clique aqui para visualizar)
O Livro dos Jubileus (ou Pequeno Gênesis) é um texto apócrifo que relata a história da criação do mundo e de Adão e Eva até logo após a queda. Também narra a história dos personagens bíblicos encontrados em Gênesis, com detalhes adicionais, principalmente com relação aos três patriarcas de Israel, até o nascimento de Moisés.

Mahabharata (clique aqui para download)
Prapare-se para embarcar em uma das maiores histórias da humanidade. Livro importante para quem pesquisa a origem da humanidade e tecnologias no mundo antigo. Aqui estão descritas aeronaves (Os Vimanas), bombas e projeteis, cidades no céu e outros texto reveladores.
O texto é monumental, com mais de 74.000 versos em sânscrito, e mais de 1,8 milhões de palavras; se o Harivamsa for incluído como sendo anexo e parte da obra, chega-se a um total de 90.000 versos, compondo o maior volume de texto numa única obra humana.

Neuromancer - William Gibson (clique aqui para visualizar)
Evoluindo de "Blade Runner" e antecipando "Matrix", "Neuromancer" é o primeiro - e ainda hoje o mais famoso - livro de Willian Gibson. É considerado não só o romance que deu origem ao gênero cyberpunk, mas também o seu melhor representante.

12º Planeta - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
O maior clássico de Zecharia Sitchin, sendo um grande best-seller e o primeiro livro sa séria Crônicas da Terra. A obra é sensacional, e vem inspirando, ensinando e demonstrando a verdadeira origem da humanidade.
Neste livro revolucionário, produto de trinta anos de pesquisa, o autor compara textos cuneiformes, antigas cosmologias e mapas celestes que relatam viagens espaciais para a Terra, feitas há cerca de 450 mil anos pelos Nefilim, e chega a uma conclusão espantosa - somos descendentes dessa raça superior vinda de Marduk, o décimo-segundo planeta, e que, de acordo com a Bíblia, já estava na Terra por ocasião do grande dilúvio.
Recomendamos muito!


O anticristo - Friedrich Nietzsche (clique aqui para visualizar)
Escrito em 1888, último ano antes de Friedrich Nietzsche perder a lucidez, este ensaio é uma das mais afiadas análises de que o cristianismo já foi objeto. Dando continuidade ao exame sobre a moral praticado na maioria de seus livros, em O anticristo o autor firma sua posição sobre a doutrina religiosa. Ele mostra como o cristianismo – ao qual chama de maldição – é a vitória dos fracos, doentes e rancorosos sobre os fortes, orgulhosos e saudáveis, persuadindo e induzindo a massa por meio de idéias pré-fabricadas.

A partir da comparação com outras religiões, Nietzsche critica com veemência a mudança de foco que o cristianismo opera, uma vez que o centro da vida passa a ser o além e não o mundo presente. Até mesmo Jesus Cristo e o apóstolo Paulo são questionados, assim como grande parte de todos os dogmas cristãos, em um grande exercício filosófico.


O caçador de andróides - Philip K. Dick (clique aqui para visualizar)
Ambientado em 2021, numa Terra em ruínas, o livro conta a história de Rick Deckard, um caçador de recompensas profissional, que recebe a perigosa missão de procurar e retirar do planeta um grupo de andróides de última geração, rebelado em busca de uma vida livre da servidão aos humanos como mão-de-obra do programa de colonização em Marte. Uma empreitada arriscada, na qual Deckard colocará em risco não só a sua vida, como também as suas crenças mais sólidas.

O cair da noite - Isaac Asimov e Robert Silverberg (clique aqui para visualizar)
O livro narra sobre um planeta chamado Kalgash, onde existem seis sóis, de forma que sempre estivesse ao menos um deles no céu por vez, criando um mundo onde jamais existe noite. Desta forma os habitantes de Kalgash não estão habituados a lidar com a escuridão, chegando a sentir tonturas e efeitos colaterais mais graves em ambientes não iluminados.
O problema todo ocorre quando duas descobertas importantes são feitas pelos cientistas. A arqueóloga Siferra 89 descobre ruínas de cidades sobrepostas uma sobre a outra, separadas pelo mesmo intervalo de tempo; uma demonstração que a cidade parecia ter sido destruída e reconstruída a cada dois mil anos. A segunda descoberta, foi feita pelo astronômo Beenay 25, que descobriu que a órbita do planeta não seguia as regras descritas na Teoria da Gravitação Universal (considerada perfeita). Confuso quanto a isso, ele apresenta o resultado de seus estudo a seu tutor Athor 77; justamente o descobridor de tais leis. Através de muita pesquisa, Athor chega à conclusão de que a teoria estaria correta. O grande problema é que havia um astro desconhecido (uma lua) que com sua gravidade alterava a órbita do planeta.
As descobertas vão se sucedendo até a maior delas: Em poucos dias, haveria apenas um sol no céu, ao mesmo tempo em que a lua passaria por ele, criando um eclipse e algo nunca sonhado em Kalgash: Escuridão!

O Caminho Para o Céu - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
Há muito tempo que a nossa memória mítica guarda lembranças de que, em algum lugar da Terra, existe um ponto onde podemos transcender a morte e juntarmo-nos aos deuses. Em O Caminho para o Céu, Zecharia Sitchin fala das suas descobertas fascinantes sobre a história da Terra e analisa com profundidade o nosso desejo de retornar ao divino. O autor combina o enigma das Pirâmides com as lendas das tentativas do homem em ascender ao Céu como um deus e conquistar a imortalidade. Ele investiga as vidas dos faraós do Egito, que nos ensinaram a percorrer a Rota dos Deuses em direção à Vida Eterna. Narra a Epopeia de Gilgamesh, o rei sumério que viajou por países distantes na sua busca para escalar o céu e evitar um destino mortal. Encontramos ainda Alexandre, o Grande, que acreditava ser filho de um deus, e Ponce de Leon, que vasculhou a Flórida em busca da lendária Fonte da Juventude. Finalmente, o autor chama a atenção para o olhar da Esfinge, o Guia Sagrado, e faz uma viagem impressionante por meio da busca original pela Vida Eterna. Uma pesquisa profunda e persuasiva... Sitchin nos apresenta a lógica e o pensamento acadêmico que nos faltavam... Ele aponta falhas em teorias já estabelecidas a respeito dos construtores das pirâmides e expõe alguns enganos da Antiguidade.

 O dia em que os deuses chegaram - Erich Von Däniken (clique aqui para visualizar)
Os maias possuíam dois calendários, um destinado aos deuses e o outro aos homens. Entretanto, em ambos o marco zero é a mesma data: 11 de agosto de 3114 a.C. O que teria acontecido nesse dia?
Mais um intrigante livro de Von Dänicken, focado no estudo sobre o calendário Maia. 


O Enviado - J.J. Benitez (clique aqui para visualizar)

“Uma equipe de cientistas vinculada à Nasa [...] provou, depois de três anos de pesquisas, que o indivíduo enterrado há dois mil anos em um túmulo próximo a Jerusalém, e que foi conhecido pelo nome de Jesus de Nazaré, emitiu – 36 horas depois de morto – uma misteriosa e desconhecida radiação que ‘chamuscou’ o sudário que o cobria.”
Quando publicada, essa instigante notícia sobre o Santo Sudário de Turim logo chamou a atenção de J. J. Benítez, o conhecido autor da saga Cavalo de Troia. Como esse tecido poderia ter produzido radiação? Ele realmente fora usado para cobrir o corpo de Jesus?
Tomando essas perguntas como ponto de partida, Benítez elucida uma série de questões a respeito do sudário e reconstrói o que teria sido o caminho tortuoso de Jesus até o momento de sua morte. Mas sua curiosidade não para por aí. Conciliando a teologia com a ufologia, ele também questiona outros conhecidos momentos da Bíblia: o que teria sido a estrela de Belém? Quem eram os anjos que apareciam a Jesus?
Com um texto envolvente e ousado, O enviado é mais uma intrigante obra de Benítez, que tenta explicar alguns dos grandes mistérios da Bíblia e ­ por que não ­ da humanidade.


 O fim dos tempos - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
Por que nosso atual século XXI d.C. é tão parecido com o século XXI a.C.? A história está destinada a se repetir? As profecias bíblicas se tornarão realidade e, se sim, quando? Mais de três décadas se passaram desde que o livro pioneiro de Zecharia Sitchin, O 12º Planeta, deu vida à civilização suméria e ao seu registro dos anunnakis - os extraterrestres que formaram o homem e deram civilização e religião à humanidade. O autor mostra que o Fim está ancorado nos eventos do Início e, quando você conhece esse Início, é possível prever o Futuro. Em Fim dos Tempos, uma obra-prima que exigiu mais 30 anos de pesquisa, ele apresenta uma nova evidência de que o Passado é o Futuro - de que a humanidade e seu planeta Terra estão sujeitos a um Tempo Celestial cíclico predeterminado. Em uma época em que o fanatismo religioso e o conflito de civilizações suscitam o aparecimento de um Armagedom nuclear, Sitchin dilui percepções e usa a história para revelar o que está para vir em Fim dos Tempos.


O guia do mochileiro das galáxias - Douglas Adams (clique aqui para visualizar)
Considerado um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica, O guia do mochileiro das galáxias vem encantando gerações de leitores ao redor do mundo com seu humor afiado.
Este é o primeiro título da famosa série escrita por Douglas Adams, que conta as aventuras espaciais do inglês Arthur Dent e de seu amigo Ford Prefect.
A dupla escapa da destruição da Terra pegando carona numa nave alienígena, graças aos conhecimentos de Prefect, um E.T. que vivia disfarçado de ator desempregado enquanto fazia pesquisa de campo para a nova edição do Guia do mochileiro das galáxias, o melhor guia de viagens interplanetário.
Mestre da sátira, Douglas Adams cria personagens inesquecíveis e situações mirabolantes para debochar da burocracia, dos políticos, da "alta cultura" e de diversas instituições atuais. Seu livro, que trata em última instância da busca do sentido da vida, não só diverte como também faz pensar.

O livro dos fenômenos estranhos - Charles Berlitz (clique aqui para visualizar)
Desde tempos imemoriais, fenómenos misteriosos e inexplicáveis sempre despertaram a curiosidade humana. Fatos extraordinários acompanharam o cotidiano das pessoas, compondo, através dos tempos, um tesouro inigualável. Charles Berlitz, autor de O Triângulo das Bermudas e incansável pesquisador, apresenta agora um verdadeiro compêndio de casos inusitados, os mais interessantes que a mente humana conseguiu reunir. São mais de duzentas histórias sobre desaparecimentos de navios e aviões, civilizações perdidas e lendárias, percepção extra-sensorial (telecinésia, telepatia, precognição), mediunidade, OVINs e seres extraterrestres, cataclismos, animais pré-históricos, vampirismo, poltergeist e personalidades famosas na área da paranormalidade, como Uri Geller e Shirley MacLaine. Embora a sofisticada tecnologia moderna nos permita sondar profundezas do oceano e o espaço infinito, ainda restam muitos mistérios. Em O Livro dos Fenómenos Estranhos, Charles Berlitz oferece uma coleção de casos extraordinários que dão asas à imaginação, estimulando nosso desejo de, finalmente, conhecer as respostas.

O livro dos senhores do mundo - Robert Charroux (clique aqui para download em francês)
Penetrando no domínio de uma pré-história fantástica, o autor procura, mercê de suas viagens por vários países da América Latina e Médio Oriente, trazer à chamada civilização vestígios, sinais, documentos, que logrem por em dúvida o racionalismo de certos cartapácios do processo histórico, que para o autor constitui "os dogmas e falsificações da história clássica". Deste modo, este livro ocorre numa linha de alargamento e de aprofundamento das suas teses, as quais, inteiramente marginais à edificação de teorias em todos os domínios do conhecimento, atingem aqui zonas completamente insuspeitas do território proibido da "arqueologia insólita".

O livro perdido de Enki - Zecharia Sitchin (clique aqui para visualizar)
Este livro baseia-se nas perspectivas dos Anunnakis. Que motivos fizeram os deuses se instalarem na Terra e quem os expulsou de sua nova casa? Através de uma pesquisa meticulosa de todas as fontes disponíveis, Sitchin tem recriado as memórias de Enki, o líder desses antigos astronautas. Um conto épico de deuses e homens se desdobra, desafiando cada suposição que temos sobre a nossa história antiga, a nossa cultura e nosso futuro.
O maior segredo - David Icke (clique aqui para visualizar)
Livro mais polêmico de David Icke. Para quem gosta de conspirações esse livro é essencial. Ele demonstra, com muitas evidências, que o mundo é dominado pelas mesmas famílias há milênios, e que estes escravizam a população global.

O mistério de Sirius - Robert Temple (clique aqui para visualizar)
Como é possível que antigas tradições de uma tribo africana possuam elementos detalhados a respeito da estrela Sírius, que foi descoberta recentemente por modernos astrônomos? As mais secretas e sagradas tradições de Dogon, uma tribo da África, sustentam que a existência da civilização na Terra resultou de um contato com habitantes de um planeta no sistema da estrela Sírius em 3000 a.C. aproximadamente.
Na modesta opinião deste editor é um dos melhores livros sobre contatos alienígenas na antiguidade, formando a tríade essencial para o tema junto aos livros Eram os deuses astronautas e o 12º Planeta. Digo isso porque Robert Temple é respeitadíssimo no meio acadêmico, tendo como amigo grandes celebridades da ciência e da literatura, como Arthur C. Clarke. Assim como Zecharia Sitchin foi procurado pela NASA e sofreu ameaças e com o preconceito por dizer a verdade.

O Príncipe - Nicolau Maquiavel (clique aqui para visualizar)
Sob a atmosfera inquieta da Renascença e dominado pela ideia da unidade italiana, Maquiavel escreve “O príncipe”. Nele tenta definir o poder, as formas de governo, as virtudes do soberano e uma nova ética do fazer político. O texto reflete as condições da época, o combate às tradições medievais e é notável a abordagem livre de fatos históricos. Maquiavel deixou como legado, sobretudo com este escrito, uma contribuição essencial para a ciência política.
Infelizmente os políticos e megaempresários utilizam-se de algumas práticas descritas neste livro que deveriam ter sido abolidas. Um livro extremamente real e que demonstra a face mais perversa da ganancia humana.

O universo numa casca de noz - Stephen Hawking (clique aqui para visualizar)
Um dos mais influentes pensadores atuais, o físico Stephen Hawking é um ícone intelectual. Neste livro, do mesmo autor do best-seller Uma Breve História do Tempo, Hawking nos conduz às fronteiras últimas da física teórica, onde a verdade é frequentemente mais estranha que a ficção, para explicar, numa linguagem leiga, os princípios que controlam o universo. A teoria da relatividade, a mecânica quântica, o princípio da incerteza, a teoria-M e as p-branas são definidas de forma bem-humorada e compõem o que o físico chama de a Teoria de Tudo.


 Os astronautas de Yaveh - J.J. Benítez (clique aqui para visualizar)
Neste livro o autor aborda mais um tema polêmico e audacioso: a intervenção de extraterrestres em várias passagens do Velho e do Novo Testamento: a travessia do Mar Vermelho, a concepção Virginal de Maria, o nascimento de Jesus Cristo. A fonte em que se inspirou J. J. foram os Evangelhos Apócrifos, uma instigante coletânea da Vida e Obra do mestre de Nazaré, que a Igreja sistematicamente rejeita. J. J. Benítez traz à luz fatos não citados nos Evangelhos do Novo Testamento mas que de alguma forma, por fazerem parte das "tradições" da Igreja, são razoavelmente conhecidos: como Maria foi criada no Templo desde os três anos e como José, já viúvo e com seis filhos, foi escolhido para desposar a Virgem.



 Os filhos de Anansi - Neil Gaiman (clique aqui para download)
O personagem Charlie, ou Fat Charlie, perde o pai e no seu funeral descobre que seu pai na verdade era o deus Anansi. Ao voltar para Londres, Fat Charlie terá que lidar com os novos acontecimentos bizarros em sua vida: um estranho declara ser seu irmão e passa a fazer coisas fantásticas, como roubar a noiva de Charlie, Rosie, e mudar todo o relacionamento de Charlie com Grahame Coats, seu irritante e inescrupuloso chefe. Um mundo novo se abre e engole Fat Charlie, um mundo que antes era apenas tedioso e opressivo.


Os livros malditos - Jacques Bergier (clique aqui para visualizar)
Parece fantástico imaginar que existe uma Santa Aliança contra o saber, uma organização para fazer desaparecer certos segredos. Entretanto, tal hipótese não é mais fantástica do que a da grande conspiração nazista. É que, somente agora, nos a percebemos até que ponto era perfeita a Ordem Negra, até que ponto seus filiados eram numerosos em todos os países do mundo, e até que ponto essa conspiração estava próxima do êxito. É por isso que não podemos rejeitar, a priori, a hipótese de uma conspiração mais antiga.O tema do livro maldito, que tem sido sistematicamente destruído ao longo dahistória, serviu de inspiração a muitos romancistas, H. P. Lovecraft, Sax Rohmer,Edgar Wallace. Entretanto, esse tema não é somente literário. Essa destruição sistemática existe em tal amplidão, que se pode perguntar se não é umaconspiração permanente que visa impedir o saber humano de desenvolver-se maisdepressa. Coleridge estava persuadido que uma tal conspiração existira e chamavaseus membros de “persons from Porlock
”. Esse nome lhe recordava a visita de um personagem vindo da cidade de Porlock e que o impedia de realizar um trabalho muito importante que iniciara.Encontram-se traços dessa conspiração, tanto na história da China ou da Índia, quanto na do Ocidente. Dessa forma, pareceu-nos necessário reunir toda informação possível sobre certos livros malditos e sobre seus adversários.


Os Protocolos dos Sábios de Sião (clique aqui para visualizar)
Nenhuma Obra despertou mais a atenção do mundo no século XX do que "Os Protocolos dos Sábios de Sião". Grandes jornais, críticos e escritores discutem esse livro que contém o mais terrível e cínico plano subversivo da história. As opiniões dividem-se e confrontam-se acerca de sua autoria e autencidade. Os judeus negam-no sob pretexto de maldosa falsificação. Os inimigos dos judeus fazem dele seu cavalo de batalha. Pensadores estudam-no com cuidado e se documentam a respeito. Foi traduzido em quase todas as línguas modernas.
A presente obra é prefaciada, em sua primeira parte, pelo escritor francÊs Roger Lambelen, grande conhecedor da questão judaica na França. Ele apresenta um estudo sobre "O Perigo Judaico".
Na segunda parte, W. Creutz discorre sobre a autencidade da obra. Creutz é reconhecido como grande autoridade no assunto, na Alemanha. Antes do triunfo do nazismo já se dedicava ao estudo do antijudaísmo hitlerista, o que lhe conferiu notoriedade.
A Terceira parte apresenta o texto original completo em vinte e quatro capítulos dos "Protocolos", o plano dos judeus para dominar o mundo.

Torá (clique aqui para visualizar)
Torá (do hebraico תּוֹרָה, significando instrução, apontamento, lei) é o nome dado aos cinco primeiros livros do Tanakh (também chamados de Hamisha Humshei Torah, חמשה חומשי תורה - as cinco partes da Torá) e que constituem o texto central do judaísmo. Contém os relatos sobre a criação do mundo, da origem da humanidade, do pacto de Deus com Abraão e seus filhos, e a libertação dos filhos de Israel do Egito e sua peregrinação de quarenta anos até a terra prometida. Inclui também os mandamentos e leis que teriam sido dadas a Moisés para que entregasse e ensinasse ao povo de Israel.

Uma breve história do tempo - Stephen Hawking (clique aqui para visualizar)
 A 'Breve História do Tempo' conduziu habilmente os não-cientistas de todo o mundo na busca contínua dos segredos escondidos no coração do tempo e do espaço. Esta edição mostra claramente o motivo pelo qual o eloquente clássico do professor Hawking transformou a nossa visão do universo.

6 comentários:

  1. Uma grande iniciativa, em tempos de esquecimento aos livros. Uma ótima listagem de importantes obras, prossigam com o trabalho, na web é o que faltava....Parabéns e grato.
    Chico de Assis

    ResponderExcluir
  2. Pôxa e HP Blavatsky e a Doutrina Secreta?
    São seis volumes e ainda tem a Ísis sem Véu, obra anterior à Doutrina Secreta. E se não querem desinformar, então porque não ela? Eu a estudo desde 76 e leio os seus livros à exaustão e nada encontrei dessa ligação absurda ( e má ideía ) com o Nazismo, tão anterior À sua publicação! Um acinte histórico e talvez descabido teorema de annie Besant e outros detratores de HPB. O que me consta é que a idéia de raças e tutti-quanti que tentam achar em tais obras são válidas para uma época que sequer sabia a conotação de fascista ( ou pré-fascista) dessas palavras. E ainda querem continuar com essa estupidez. E para começo de conversa eu afirmo que a suástica é MUITO antiga e até pré-Budista, e foi surripiada como ideal sinistro pelos nazistas e posto como símbolo nacional-socialista!

    ResponderExcluir
  3. Faltam alguns livros. Que tal O Despertar dos Mágicos, Daqui a Cem Anos, Viagem à Kiribati, Em Busca do Sexo no Ocultismo, A Terra Oca, A Voz do Silêncio, Deuses Túmulos e Sábios, O Livro de Enoch ( Editora Hemus ) e O Livro dos Danados. E tem mil outros...

    ResponderExcluir

Os editores do blog Ab Origine têm profundo amor e respeito pelo livre pensamento e liberdade de expressão, porém respeitamos ainda mais o leitor que busca um ambiente de respeito às opiniões.

Por isso optamos por moderar os comentários, que serão excluídos nas seguintes condições:

• Piadinhas e infantilidades
• Palavrões e ofensas
• Desinformação

Todos os outros comentários serão publicados, independente da opinião do leitor.